quarta-feira, dezembro 31, 2008

Cortar o tempo

Quem teve a idéia de cortar o tempo em fatias,
a que se deu o nome de ano, foi um indivíduo genial.
Industrializou a esperança, fazendo-a funcionar no limite da exaustão.

Doze meses dão para qualquer ser humano se cansar e entregar os pontos.
Aí entra o milagre da renovação e tudo começa outra vez,
com outro número e outra vontade de acreditar que daqui pra diante vai ser diferente

Carlos Drummond de Andrade

quinta-feira, dezembro 18, 2008

agora

nesta hora inocente
eu e aquela que fui
sentamo-nos no limiar do meu olhar

Alejandra Pizarnik

Terás de amar os pés, mesmo que partidos ao meio, na destruição dramática dos seus vinte e seis ossos. (...) Toda a sua minuciosa anatomia de quem quer andar como quem canta. (...) Encontrar-lhe os lírios nas sequelas dos músculos. Dar-lhes corda. (...) Pô-los a pensar sobre os caminhos - dar-lhes caminhos.
Ana Salomé
"Então, que seja doce. Repito todas as manhãs, ao abrir as janelas para deixar entrar o sol ou o cinza dos dias, bem assim, que seja doce. Quando há sol, e esse sol bate na minha cara amassada do sono ou da insônia, contemplando as partículas de poeira soltas no ar, feito um pequeno universo; repito sete vezes para dar sorte: que seja doce que seja doce que seja doce e assim por diante(...)"

Caio F. Abreu


E repito eu:

que seja doce

que seja doce

que seja doce

que seja doce

que seja doce

que seja doce

"A única magia que existe é estarmos vivos
e não entendermos nada disso.
A única magia que existe é a nossa incompreensão."

Caio Fernando Abreu

o amor é tudo o que se avista


quando se enxerga o coração


do planalto de um abraço


Eduardo Sá
Trocaria a memória
de todos os beijos que me deste
por um único beijo teu.
E trocaria até esse beijo
pela suspeita de uma saudade tua,
de um único beijo que te dei.
Miguel Esteves Cardoso
"Cada um pode com a força que tem
Na leveza e na doçura de ser feliz"

Vanessa da Mata


"é preciso aceitar ser finito: estar aqui e em nenhum outro lugar, fazer isto e não outra coisa, agora e não sempre ou nunca (...); ter apenas esta vida.""


carta a d. andré gorz

quarta-feira, dezembro 03, 2008

video
Devia ter amado mais
Ter chorado mais
Ter visto o sol nascer
Devia ter arriscado mais
E até errado mais
Ter feito o que eu queria fazer...
Queria ter aceitado
As pessoas como elas são
Cada um sabe alegria
E a dor que traz no coração...
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar...
Devia ter complicado menos
Trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr
Devia ter me importado menos
Com problemas pequenos
Ter morrido de amor...
Queria ter aceitado
A vida como ela é
A cada um cabe alegrias
E a tristeza que vier...
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar distraído
O acaso vai me proteger
Enquanto eu andar...
Devia ter complicado menos
Trabalhado menos
Ter visto o sol se pôr...

Epitáfio
Titãs